Harpa Cristã

Harpa Cristã e os seus 90 anos

Por Gutierres Fernandes Siqueira

Nós, assembleianos, estamos comemorando os 90 anos da Harpa Cristã, o hinário oficial das Assembleias de Deus no Brasil. Agregando clássicos tradicionais e composições pentecostais, a denominação construiu um livro de músicas que marcou a história do evangelicalismo brasileiro e, em especial, do pentecostalismo tupiniquim.

O lançamento da Harpa Cristã aconteceu em 1922, na cidade de Recife (PE) com 100 hinos. A Harpa Cristã nasceu de uma necessidade de musicalizar a doutrina pentecostal, já que a Assembleia de Deus usou por muitos anos o hinário congregacional Salmos e Hinos, que até então era utilizado por algumas igrejas históricas.

Um diferencial da Harpa Cristã em relação a outros hinários clássicos é a forte influência escandinava. O maestro norueguês Jahn Sörheim e os pastores suecos Samuel Nyström e Nils Kastberg colaboraram grandemente na formação do Cantor Pentecostal. O pastor brasileiro Paulo Leivas Macalão fez diversas adaptações das traduções literais realizadas por Samuel Nyström.

A Harpa Cristã possui 640 desde 1996, ano da última revisão.

O primeiro hino que aprendi da Harpa Cristã foi o alegre A Face Adorada de Jesus. O coro diz:

A face adorada de Jesus verei,
Com a grei amada, no céu estarei,
Na mansão dourada, hinos vou cantar
A Jesus, minha luz, que me quis salvar!

Veja como a letra expressa uma esperança escatológica e cristocêntrica.

Eu, como vocês bem sabem, desteto tradicionalismo. Não acho que a liturgia assembleiana deva ser exclusivamente dependente da Harpa Cristã. Mas, sinceramente, fico triste de ver como o nosso hinário é pouco valorizado. A musicalidade pentecostal, especialmente dessas cantoras que cantam gritando, é pobre e triunfalista. Hoje, é comum ouvir letras que incentivam vingança e até falam na “camada de ozônio” (sic).

Quando eu vejo um CD de coletânea chamado de “cantoras pentecostais” ou “fogo pentecostal” ou ainda “músicas pentecostais” eu saio correndo desesperado! Infelizmente, esses CDs mostram como ficamos mais pobres. Se antes a coletânea pentecostal tinha a qualidade de uma Harpa Cristã, hoje temos a infantilidade do “só vitória” ou “um anjo está passando aqui”.

Outro problema é que pouco se explora a Harpa Cristã. Você que congrega em uma igreja que usa esse hinário provavelmente ouve sempre os mesmos 15 hinos. Só que o hinário é composto por 640 músicas. E os ensaios? Raras são as igrejas que usam um grupo de louvor para ensaiar os hinos da Harpa Cristã. O hinário é sempre tratado com improviso e, infelizmente, perde a beleza com tanta cantoria mal trabalhada. Mas vocês sabem que “é para Jesus”, como alguns dizem querendo justificar a preguiça!

Que a nossa liturgia não despreze o novo (logo porque há muitos hinos contemporâneos maravilhosos), mas que também não se esqueça da riqueza litúrgica, doutrinária e histórica da Harpa Cristã.

O meu hino predileto é o Mais Perto Meu Deus de Ti! Qual é o seu?

1
Mais perto quero estar
Meu Deus, de Ti!
Inda que seja a dor
Que me una a Ti,
Sempre hei de suplicar
Mais perto quero estar
Mais perto quero estar
Meu Deus, de Ti!

2
Andando triste, aqui
Na solidão,
Paz e descanso a mim
Teus braços dão;
Nas trevas vou sonhar,
Maia perto quero estar,
Mais perto quero estar,
Meu Deus, de Ti!

3
Minh’alma cantará
A Ti, Senhor!
E em Betel alçará
Padrão de amor,
Eu sempre hei de rogar
Mais perto quero estar,
Mais perto quero estar,
Meu Deus, de Ti!

4
E, quando Cristo, enfim,
Me vier chamar,
Nos céus com serafins,
Irei morar.
Então me alegrarei
Perto de Ti, meu Rei.
Perto de TI, meu Rei,
Meus Deus, de Ti!

Leia mais aqui.

4 comentários em “Harpa Cristã e os seus 90 anos

  1. A Paz do Senhor Gutierres!

    Lindo post. A harpa é realmente muito pouco explorada. Acabei de visitar o site sugerido (www.harpacrista.org), maravilhoso!

    Seria difícil escolher um só hino, mas entre tsntos gosto muito do 182

    1
    Jesus no Getsêmane foi ligado,
    E pelos ímpios foi arrastado
    A corte, onde foi muito insultado,
    E atingido, por meu pecado;
    E a sentença da turba foi o brado:
    “Que seja Cristo crucificado.”
    Vituperado e flagelado
    Jesus sofreu o meu pecado.
    Vituperado e flagelado
    Jesus sofreu o meu pecado.

    2
    Então, na cruz, foi o Cristo pendurado
    E duma lança foi traspassado;
    Ali estava Jesus ensangüentado,
    Por meus pecados atormentado!
    “Deus meu, Deus meu, por que tens m’abandonado?”
    Clamava Cristo crucificado;
    “Perdoa o povo tão enganado,
    Que cometeu um tal pecado”.
    “Perdoa o povo tão enganado,
    Que cometeu um tal pecado”.

    3
    Depois Jesus Cristo foi da cruz tirado,
    E ao sepulcro foi carregado;
    Por santos, Seu corpo foi embalsamado,
    E entre ricos foi sepultado;
    Estando Cristo Jesus já enterrado;
    O Seu sepulcro foi bem guardado;
    Após três dias, Jesus amado,
    Da morte foi ressuscitado.
    Após três dias Jesus amado,
    Da morte foi ressuscitado.

    Abraçoo 🙂

    Curtir

  2. Gutierres,

    Mais Perto Meu Deus de Ti, também é um dos meus preferidos. A letra realmete toca no fundo da alma…

    Tenho que concodar com você quanto aos hinos “pobres” e “triunfalistas”: não dá pra chamar de louvor porque não há louvor.

    Tenho saudades do tempo em que não havia playback nas congregações. Nada contra o playback, mas aqueles louvores cantados e tocados com instrumentos musicais ao vivo eram muito mais autênticos. As melodias e as letras eram mais inteligentes . Hoje temos um estilo predominantemente “sabor de mel”.

    Por acaso estamos regredindo?

    Curtir

  3. Gutierres, paz!

    Eu adoro a Harpa Cristã, desde de sempre gostei desses hinos.

    Por aqui, pelo menos em culto de Jovens os hinos da Harpa Cristã são entoados de forma alegre e viva!

    Os Hinos que mais gosto e que marcou minha vida foram o 291 – A Mensagem da Cruz

    “Rude cruz se erigiu,
    Dela o dia fugiu,
    Como emblema de vergonha e dor;
    Mas contemplo esta cruz.
    Porque nela Jesus
    Deu a vida por mim, pecador.

    Sim, eu amo a mensagem da cruz
    Té morrer eu a vou proclamar;
    Levarei eu também minha cruz
    Té por uma coroa trocar.”

    E o Hino de número 126 – Bem aventurança do crente

    “Os mais belos hinos e poesias,
    Foram escritos em tribulação,
    E do céu, as lindas melodias,
    Se ouviram, na escuridão.” (minha parte favorita.

    Paz!

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s