Pós-Moderno · Pentecostalismo

A resposta pentecostal à condição pós-moderna

Por André Gomes Quirino Que a chamada pós-modernidade seja, na maioria de seus aspectos, uma radicalização das crenças e costumes modernos, boa parte dos analistas culturais tem sido propensa a concordar. Mas há, sim, e em decorrência mesmo dessa radicalização, rupturas significativas entre a autoimagem sustentada pelo homem moderno e a imagem que o homem… Continuar lendo A resposta pentecostal à condição pós-moderna

Pentecostalismo

O dom de línguas é uma manifestação de êxtase?

Por Gutierres Fernandes Siqueira Para responder a essa pergunta é necessário definir o que vem a ser êxtase na atualidade. Quase todas as palavras sofrem no decorrer do tempo alguma alteração referente ao sentido original. Este é mais um exemplo. O conceito contemporâneo de êxtase pode ser expresso como o “estado de quem se encontra… Continuar lendo O dom de línguas é uma manifestação de êxtase?

Liturgia · Pentecostalismo

O “reteté” é uma afronta à glória de Deus!

Por Gutierres Fernandes Siqueira “Assim, se toda a igreja se reunir e todos falarem em línguas, e entrarem alguns não instruídos ou descrentes não dirão que vocês estão loucos?” 1 Coríntios 14.23 No meio pentecostal, muitas vezes, nos damos como esquecidos sobre o aspecto sacro do culto cristão. O culto é um espaço de tempo… Continuar lendo O “reteté” é uma afronta à glória de Deus!

Coronelismo · Pentecostalismo

Autoritarismo Eclesiástico: o mal que nos afeta!

Por Gutierres Fernandes Siqueira Muitos textos já foram escritos neste blog contra o coronelismo no meio pentecostal. Certamente é um assunto intragável e um tanto estereotipado, mas neste post quero mostrar que esse mal nos afeta mais do imaginamos. Na faz muito tempo ouvi de um jovem que o mesmo havia sido disciplinado- vejam o… Continuar lendo Autoritarismo Eclesiástico: o mal que nos afeta!

Pentecostalismo

Irreverência. Quanta, irreverência!

Pregação expositiva? Isso non ecziste! Por Gutierres Fernandes SiqueiraNão faz muito tempo levei alguns amigos para conhecer uma importante igreja pentecostal aqui em São Paulo (SP). E, apesar de morar na cidade, eu também queria conhecer o culto dominical noturno daquela igreja. Mas, para mim, a experiência foi decepcionante.Por que a decepção? Bom, uma igreja que… Continuar lendo Irreverência. Quanta, irreverência!